O QUE É, O QUE É?


ELA NÃO É BÍBLIA, NÃO É DE ESTUDO, NEM É DE ALMEIDA !

MAS É INIMIGA NÚMERO UM DO CRIACIONISTA

QUEM É ELA?

 

1.Introdução

Já de olho na "Bíblia de Estudo Almeida" da Sociedade Bíblica do Brasil há alguns meses, adiava o exame da mesma por falta de oportunidade e até mesmo por evitar o aborrecimento pois, intuitivamente, já esperava pelo pior. Ao avistá-la na bancada de uma certa igreja, pensei: Chegou o dia. Ato contínuo, pedi a uma irmã que ma passasse às mãos. E veio o pior! Direto para o livro do Gênesis, minhas mãos já úmidas desvendaram as infames notas de rodapé.

 

2.Notas de rodapé heréticas e dementes em Gen. 1:2

Vejamos a barbaridade que foi escrita na nota de rodapé concernente a Gênesis 1:2:

 

"1.2 Havia trevas sobre a face do abismo: Outra tradução possível: Tudo era um mar profundo coberto de escuridão. Segundo uma idéia muito difundida entre os povos do Antigo Oriente, antes da criação só havia um caos de trevas que a tudo cobria, como águas ameaçadoras (cf Sl. 104:6-9). Assim, um dos primeiros atos do Criador consistiu em separar as águas de cima das de baixo, colocando como linha divisória a expansão ou abóbada celeste (v. 7). Conforme os vs. 5-9, desse caos primitivo foram formados os mares tanto os que estão sobre a superfície da terra como os que estão debaixo dela. Ver Sl. 18:15 n. Cf. também Sl. 24:2."

 

Comentemos os graves erros das anotações por partes:

2.1 "Outra tradução possível..." Aqui, sem a menor cerimônia, a nota de rodapé aproveita para fazer propaganda da deplorável Bíblia na Linguagem de Hoje (BLH), que de modo criminoso, usa o método-perversão de paráfrase que é também conhecida como a Equivalência Dinâmica (inventada por um apóstata chamado Eugene Nida - ver o artigo DREAM TEAM). Vejamos a semelhança com o texto evolucionista da BLH: "Não havia ordem nem vida na terra, que era coberta por um mar profundo. A escuridão cobria o mar..."

2.2 "Segundo uma idéia muito difundida entre os povos..." Pergunto: O que é que nós crentes temos a ver com idéias de povos ímpios, idólatras e pagãos da antiguidade?! A voz do povo não é a voz de Deus! Se fosse, o Senhor Deus não se dava ao trabalho de deixar-nos a Sua Palavra. Será que os povos do Antigo Oriente referidos poderiam ser os idólatras Egípicios que cultuavam o sol? Ou os astrólogos Babilônicos? Ou os mitológicos Gregos? Sem a revelação da Palavra de Deus, qualquer "...idéia muito difundida entre os povos..." não vale nada, e não passa de tradição pagã que deve ser categoricamente rejeitada pelo povo de Deus.

2.3 "...antes da criação só havia um caos de trevas que a tudo cobria..." Vejamos a demência dessa declaração: Como é que pode haver algo antes da criação, se antes dela não havia nada? De onde veio esse "tudo"?

2.4 Onde está a palavra caos na Bíblia? Em lugar nenhum! Só na cabeça desses evolucionistas travestidos de crente que empurram Bíblias falsas no povo de Deus!

 

Sobre esse assunto ver o nosso artigo sobre a doutrina do intervalo ou doutrina da brecha, a qual se pode classificar sem sombra de dúvida como uma DEMÊNCIA TEOLÓGICA !

 

3.Notas de rodapé heréticas em Isa. 45:18

"45:18 Um caos: Hebr. Tohu, o mesmo termo usado em Gn 1:2 para designar o estado de coisas anterior à criação. Ver Jr 4:23, nota s."

 

3.1 Palavra caos

Vejamos a falácia: A palavra grega kaos não aparece em nenhum lugar na Bíblia! Por ser de origem da mitologia GREGA, por providência divina ela foi totalmente descartada pelos autores das Escrituras do Novo Testamento, (apesar da presença de muitas palavras de origem mitológica). A palvra caos não está presente também na Septuaginta (LXX), tradução do Velho Testamento do hebraico para o grego feita SUPOSTAMENTE em 250 AC.

3.2 Contexto de Isa 45:18

Veja que a tradução correta de "tohu" é vazia (e não caos) que contrasta com "habitada"

3.3 "Estado de coisas anterior à criação (?!)"

Como é que pode? Vamos pensar só um pouco: A terra foi criada no verso um. Como é que pode no verso dois haver uma condição de caos que se diz anteceder ao verso um ??? Essa filosofia vem diretamente do evolucionismo, que assevera a eternidade da matéria, dando lugar ao irracional BIG BANG.

 

4.Notas de rodapé heréticas em Jer. 4:23

"4:23 Sem forma e vazia: O primeiro relato da criação (Gn 1:1-2:4a) utiliza a mesma expressão hebraica para designar o estado do mundo antes da criação. Ver Gn 1.2 nota d."

Novamente a heresia MENTIROSA: "...o estado do mundo antes da criação..." A nota de rodapé cobiça reduzir o Senhor a um mero organizador de um mundo que existia antes de Gen. 1:1, tornando a Bíblia um conto de fadas mentiroso. O conceito Bíblico-Criacionista, entretanto, tributa ao Senhor o devido respeito, obedecendo, sem artifícios de incrédulos, as inúmeras passagens que baseiam o conceito EX-NIHILO, ou seja, Deus chamou à existência DO NADA, o universo que conhecemos de forma súbita, sobrenatural e com aparência de história.

 

5.Conclusão

Até aqui, caro irmão, aprendemos que logo nas primeiras notas de rodapé, a Bíblia de Estudo Almeida já revela suas escancaradas heresias. Se não se pode confiar nas notas de rodapé em Gênesis, não se pode confiar em mais NADA.

Se para o irmão, a Palavra de Deus vale mais que trinta e três reais, recomendo que guarde bem escondida na sua estante a Bíblia de Estudo Almeida e procure a Bíblia Corrigida e Fiel.

 

Portanto, a Bíblia de Estudo Almeida da Sociedade Bíblica do Brasil:

Não é Bíblia!

Porque se baseia em textos gregos e hebraicos falsos.

Não é de Estudo!

Porque está cheia de heresias nas notas de rodapé.

Não é de Almeida!

Porque não foi João Ferreira de Almeida que a produziu.

 



Veja aqui os 40 ataques do texto da Atualizada contra a doutrina do criacionismo!


 

BIBLIOGRAFIA

A Bíblia Sagrada - Edição de Almeida Corrigida e Fiel, Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil

Bíblia de Estudo Almeida da SBB

Bíblia na Linguagem de Hoje da SBB

A BÍBLIA TRAÍDA, Pr. Aníbal Pereira Reis,1976

MODERN BIBLE VERSIONS, David W. Cloud, 1994

THE LIVING BIBLE, BLESSING OR CURSE, David Cloud,1991

 

Elaborado por: JPMA

Menu Versões Bíblicas

Menu principal